Campanha | Machismo não combina com Saúde





O objetivo desta campanha é fomentar a mudança de padrões culturais e institucionais, partindo de uma postura crítica frente aos padrões rígidos de gênero em nossa sociedade, na qual adotar medidas preventivas em saúde, associadas ao cuidado de si, parece ser uma prática de menor importância, atribuída em geral às mulheres, revelando uma visão machista e sexista.

Pretendemos, com isso, promover um debate público amplo e crítico sobre a saúde dos homens, tendo em vista que, por um lado, saúde e prevenção são consideradas em nossa sociedade como atribuições e cuidados femininos, e por outro, os homens em geral ainda não são pensados como público de campanhas e ações públicas da saúde, especialmente no contexto da atenção básica.